12 de novembro de 2017

Estamos conscientes de que de todos os rios dessas bacias, dos mais exuberantes aospequeninos córregos, encontram-se seriamente ameaçados por uma sequência deempreendimentos hidrelétricos que vão impedi-los de correrem livres. Essas usinas sãoplanejadas visando atender apenas a interesses privados, sem levar em conta os impactos aos povos indígenas e tradicionais, desconsiderando as culturas ancestrais que dependem […]

Estamos conscientes de que de todos os rios dessas bacias, dos mais exuberantes aos
pequeninos córregos, encontram-se seriamente ameaçados por uma sequência de
empreendimentos hidrelétricos que vão impedi-los de correrem livres. Essas usinas são
planejadas visando atender apenas a interesses privados, sem levar em conta os impactos aos povos indígenas e tradicionais, desconsiderando as culturas ancestrais que dependem desses rios e desrespeitando a legislação.

COMO EVITAR A SAVANIZAÇÃO DA AMAZÔNIA

05 Set, 2022

Iniciativas de manejo sustentável de produtos da sociobiodiversidade são soluções que protegem a floresta, enquanto geram renda justa para comunidades indígenas.

Brô Mc’s: conheça o primeiro grupo de rap indígena a pisar no Rock in Rio

01 Set, 2022

Maior festival de música do mundo terá palco demarcado pela resistência indígena. Nos bastidores, grupo vai trazer mensagem especial sobre os isolados, indígenas que rejeitam contato com o restante da sociedade.

Vale do Javari: associação entre crimes ambientais e narcotráfico atualiza modus operandi do sistema seringalista

26 Ago, 2022

Apesar do histórico de massacres, exploração de recursos naturais e mão de obra escravizada, a região já vivenciou momentos de maior estabilidade quando o Estado se fez presente.
Nossos Parceiros
Ver Mais