25 de agosto de 2018

Com 580 páginas, a Avaliação Ambiental Integrada (AAI) é um dos mais completos documentos já elaborados sobre a bacia do rio Juruena, que analisa os cenários sociais, ambientais e econômicos possíveis com a instalação ou não de dezenas de novos empreendimentos hidrelétricos na região nos próximos anos. Esta avaliação foi feita pela Empresa de Pesquisa […]

Com 580 páginas, a Avaliação Ambiental Integrada (AAI) é um dos mais completos documentos já elaborados sobre a bacia do rio Juruena, que analisa os cenários sociais, ambientais e econômicos possíveis com a instalação ou não de dezenas de novos empreendimentos hidrelétricos na região nos próximos anos. Esta avaliação foi feita pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) em 2010 e é diferente de um Estudo de Impacto Ambiental (EIA), focado apenas em um empreendimento. Ela considera os impactos de todas as usinas somadas e procura alertar para os riscos e ameaças que podem acontecer como conjunto e não de modo isolado.

Destacamos, a seguir, algumas conclusões e as principais recomendações registradas na AAI, que são muito importantes para que os povos indígenas da bacia do Juruena possam se unir na defesa de seus direitos territoriais e ambientais.

Sônia Guajajara assume ministério e anuncia política com protagonismo indígena

12 Jan, 2023

Em histórico discurso de posse, Sônia Guajajara destacou o início de uma política indígena e não mais indigenista. Também reforçou a importância dos povos originários no combate à crise climática e cravou que o futuro é ancestral.

OPAN manifesta apoio a ministérios e à Fundação Nacional dos Povos Indígenas, a nova Funai

03 Jan, 2023

Ministério dos Povos Indígenas, Funai e Secretaria Especial de Saúde Indígena serão dirigidos por importantes lideranças do movimento indígena.

Começou a mudança histórica

02 Jan, 2023

Sônia Guajajara, Joenia Wapichana, Wibe Tapeba, Célia Xakriabá, cacique Raoni Metuktire e outras lideranças são recebidos pelos servidores da Funai. Em ato marcante, falam dos desafios frente aos novos cargos no Legislativo e agora também no Executivo.
Nossos Parceiros
Ver Mais