16 de novembro de 2021

Evento busca reforçar as discussões sobre a integridade da sub-bacia do Rio Juruena e sua importância para a vida dos diferentes povos indígenas, comunidades rurais e populações urbanas da região noroeste de MT

Com o tema “Povos do Campo, das Águas, da Floresta e do Cerrado em Defesa da Vida”, a 8ª edição do Festival Juruena Vivo será realizada nos próximos dias 26, 27 e 28 de novembro. A programação neste ano se organizará em formato híbrido, ou seja, com atividades desenvolvidas presencialmente – conforme os protocolos de segurança contra a covid-19 – e virtualmente.

O evento acontece desde 2014 de forma itinerante e busca reforçar as discussões sobre a integridade da sub-bacia do Rio Juruena, destacando sua importância para a vida dos diferentes povos indígenas, comunidades rurais e populações urbanas da região noroeste de MT. A iniciativa tem a finalidade de catalisar a união desses grupos para a criação de estratégias pela defesa da vida, por meio de uma maior participação nas decisões que envolvam impactos em seus costumes, economia e uso dos recursos naturais.

“Os Festivais Juruena Vivo são espaços de encontro e trocas de saberes entre diferentes atores da sociedade. É também um momento de partilha cultural e artística, com muita musicalidade regional”, afirma a indigenista Liliane Xavier, uma das organizadoras do evento.

Festival Juruena Vivo acontece desde 2014. Foto: Henrique Santian (OPAN)

Nesta 8ª edição, entre as atividades presenciais são previstas a coleta de tucum e argila, além de oficinas de produção de artesanato e cerâmica, na Terra Indígena Erikpatsa. Será realizada também, na Terra Indígena Apiaká-Kayabi, uma vivência de educação ambiental, que inclui a limpeza do Rio dos Peixes, organizada pelo Povo Apiaká.

A abertura do Festival acontece virtualmente, no dia 26, às 19h30, por meio de transmissões nas mídias sociais da Rede Juruena Vivo (Facebook e Youtube). Na ocasião, acontecerá uma live com convidados que atuam em defesa da vida na sub-bacia do Juruena, além da exibição da mostra audiovisual com o curta Rio da Vida, com mensagens de moradores e grupos que vivem na região. 

O evento segue em formato virtual nos dias seguintes, com lives sobre crise energética e hídrica no sábado (27),  direitos da natureza no domingo (28), a continuidade da mostra audiovisual e contação de histórias. Para o fechamento dos dois primeiros dias de Festival e em seu encerramento, são previstas apresentações culturais – mantendo a tradição festiva do encontro.  

O Festival é organizado pela Rede Juruena Vivo, coletivo composto por povos indígenas, agricultores familiares, pesquisadores, entidades da sociedade civil, movimentos sociais urbanos e rurais, entre outros que atuam na sub-bacia do rio Juruena.

OPAN contrata indigenistas para o programa Amazonas

01 Dez, 2021

Profissionais interessados devem ter experiência na atuação com povos indígenas e facilidade para o trabalho em equipe.

Com muita arte, reflexões e discussões socioambientais, Festival Juruena Vivo completa 8ª edição

29 Nov, 2021

Neste ano, evento ocorreu em formato híbrido, com o desenvolvimento de atividades virtuais e presenciais, conforme todos os protocolos de segurança contra a covid-19

Estratégias para conservar 2 milhões de hectares de floresta

25 Nov, 2021

A gestão comunitária e o manejo de pirarucu, castanha e copaíba fortalecem a proteção de 6 terras indígenas e são caminhos para o combate à crise climática
Nossos Parceiros
Ver Mais