20 de dezembro de 2021

Uma homenagem da OPAN à educadora e indigenista Noeli Treuherz.

Partiu ontem, 19 de dezembro, Noeli Treuherz, em Dourados (MS).

De origem alemã e agrícola, Noeli nasceu em Tenente Portela (RS), dia 25 de setembro de 1953.

Aos vinte anos, ingressou na OPAN, em 1973.

Foi a segunda voluntária a viver com os Nambikwara na aldeia Tirecatinga, em Mato Grosso. Ali, numa convivência direta, dava apoio na saúde e iniciou atividades de alfabetização com os indígenas.

Em 1975, atuou na Casa de Trânsito da OPAN, em Cuiabá (MT).

Posteriormente, transferiu-se para Novo Horizonte e Porto dos Gaúchos (MT), onde atuou por muitos anos como educadora.

Como disse sua filha Simone, Noeli foi alfabetizadora apaixonada pela profissão. Ensinou milhares de pessoas a ler, escrever e desenvolver senso crítico em relação ao contexto que estavam envolvidos. “Foi uma mulher forte, guerreira e digna, que fazia a diferença por onde passava”.

Noeli, em nome de todos nós da OPAN, desejamos que seu espírito esteja na Paz Celeste.

Cuiabá, 20 de dezembro de 2021.

Flores, lágrimas e força

28 Nov, 2022

Países insulares seguem sendo grandes propulsores de avanços no debate sobre clima no mundo. Povos indígenas exigem participação em fundo sobre perdas e danos.

A PNGATI e a esperança por dias melhores

09 Nov, 2022

De diversas regiões da Amazônia, representantes indígenas compartilham na COP27 reflexões e experiências sobre a PNGATI à luz do novo governo no Brasil.

Brasil dá seu recado no Egito

05 Nov, 2022

Delegação da Amazônia brasileira abre trabalhos na COP27 com contribuições técnicas na reunião da Plataforma Indígena da UNFCCC. Barreira do idioma ainda é desafio.
Nossos Parceiros
Ver Mais