08 de dezembro de 2010

Por: Thiago Foresti   http://zoneamento.wordpress.com/ Miguel Aparicio é Gestor do Programa de Conservação de Terras Indígenas da Operação Amazônia Nativa (OPAN). Ele diz que no segundo substitutivo do ZSEE/Mato Grosso foram retiradas 14 Terras Indígenas; o terceiro, feito às pressas, eliminou 4. Segundo ele isso demonstra um enorme desconhecimento da lei. “A Assembléia Legislativa de […]

Por: Thiago Foresti

 

http://zoneamento.wordpress.com/

Miguel Aparicio é Gestor do Programa de Conservação de Terras Indígenas da Operação Amazônia Nativa (OPAN). Ele diz que no segundo substitutivo do ZSEE/Mato Grosso foram retiradas 14 Terras Indígenas; o terceiro, feito às pressas, eliminou 4. Segundo ele isso demonstra um enorme desconhecimento da lei. “A Assembléia Legislativa de Mato Grosso está disposta a tudo, nem sequer limites legais que extrapolam as competências de uma assembléia estadual são respeitados”. Confira a íntegra da entrevista que fará parte do vídeo sobre o ZSEE que será lançado em breve em: http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=QXVbfZUbdSI#t=91s

Saiba mais sobre o Zoneamento Socioeconômico e Ecológico de Mato Grosso- ZSEE- MT em: http://zoneamento.wordpress.com/

 

 

Contatos com a imprensa
comunicacao@amazonianativa.org.br
(65) 3322-2980

Indígenas da bacia do Juruena participam de festival de cinema em Brasília

02 Dez, 2022

Foram selecionadas duas produções audiovisuais do Coletivo Ijã Mytyli de Cinema Manoki e Myky e uma do povo Enawenê-Nawê

Flores, lágrimas e força

28 Nov, 2022

Países insulares seguem sendo grandes propulsores de avanços no debate sobre clima no mundo. Povos indígenas exigem participação em fundo sobre perdas e danos.

A PNGATI e a esperança por dias melhores

09 Nov, 2022

De diversas regiões da Amazônia, representantes indígenas compartilham na COP27 reflexões e experiências sobre a PNGATI à luz do novo governo no Brasil.
Nossos Parceiros
Ver Mais