Facebook - OPAN Google+ - OPAN Twitter - OPAN Youtube - OPAN

Notcias

SELECT m.*, IF(LENGTH(fotos)<15 AND galeria=1,(SELECT id FROM w186_post_fotos WHERE post=m.id ORDER BY principal DESC, id LIMIT 1),fotos) AS fotoprinc FROM w186_post AS m WHERE m.id=177 - 177

Expedio Jamamadi

Por: Andreia Fanzeres/OPAN
Indgenas encontram marcos geodsicos e placas da demarcao de seu territrio pela primeira vez em 15 anos.

 

Lábrea, AM – Um grupo de indígenas Jamamadi participou de uma expedição aos limites da Terra Indígena Jarawara/Jamamadi/Kanamanti e, apesar de conhecerem como ninguém este território, encontraram, pela primeira vez, os marcos geodésicos que estabelecem a divisa com a Terra Indígena Hi-Merimã, de índios isolados.

No ano de 1998, foram colocados marcos geodésicos e as placas que indicam os pontos da demarcação. Mas, 15 anos depois, nenhum indígena conhecia esses locais. Naquela época, os Jamamadi não acompanharam o processo de demarcação, e com isso, foram se intensificado boatos, inclusive o de que esses marcos sequer existiriam de fato.
 
A partir da demanda dos indígenas em meio ao processo de etnomapeamento da TI Jarawara/Jamamadi/Kanamanti, esta atividade foi realizada com o apoio da Operação Amazônia Nativa (OPAN), da Funai e da Frente de Proteção Etnoambiental (FPE) do Purus. Contou também com a presença de um ribeirinho da Reserva Extrativista Médio Purus. Ao localizar as placas e marcos geodésicos, os Jamamadi reforçam uma tendência de diálogo e entendimento com a FPE Purus para que não mais adentrem no território demarcado para os isolados a fim de extraírem o óleo de copaíba.
 
Acompanhando este objetivo, a OPAN tem promovido nas aldeias Jamamadi capacitações e oficinas de boas práticas para recuperar as copaibeiras na TI Jarawara/Jamamadi/Kanamanti, diminuindo, assim, a pressão sobre os isolados. Além das atividades voltadas a uma maior produtividade e a um menor impacto nas copaibeiras, a OPAN vem realizando boas práticas e oficinas de extração artesanal do óleo de andiroba, recurso florestal não madeireiro presente em seu território e não explorado pelos indígenas. Deste modo, também a copaíba é menos pressionada.
 
Assim, uma nova alternativa de mercado para a comercialização se abriu para os Jamamadi. Uma cooperativa local de Lábrea (COOPMAS) se interessou pelos produtos e iniciou uma parceria com os indígenas, oferendo melhores preços. A criação dessa rede pode possibilitar que os indígenas acessem novos mercados e estabeleçam mais relações comerciais e sociais.
 
O apoio a essas atividades acontece no âmbito do projeto Conservação da Biodiversidade em Terras Públicas da Amazônia, numa iniciativa da OPAN em parceria com USAID, IEB, CSF, ACT Brasil, Metairelá e Kanindé. O objetivo é contribuir para a conservação da biodiversidade e a gestão de terras indígenas e unidades de conservação no sudoeste da Amazônia brasileira.

Matrias relacionadas

11/05/2015
leos Jamamadi se destacam no mercado
12/08/2014
Um territrio em transformao
30/06/2014
Jamamadi avana em plano de gesto
23/05/2014
Da copaba andiroba
22/10/2018
Expedio Rikbaktsa
21/02/2018
Comea nova fase do Razes do Purus
06/12/2016
Aprimorando prticas sustentveis
11/03/2013
Jeitos de fazer
SELECT id, titulo, data, horario, fotos, post_sub_id AS post_sub_id, chamada, i_cadastro, arquivado FROM w186_post WHERE (i_publicacao<=NOW() OR i_publicacao=0) AND (i_expiracao>=NOW() OR i_expiracao=0) AND id!='177' AND post_sub_id=2 AND aprovado!=0 ORDER BY i_cadastro DESC LIMIT 0, 8
15/12/18 - O avano da COP24 foi indgena
Pases reconhecem importncia do conhecimento tradicional e da participao indgena nas discusses sobre mudanas climticas.
12/12/18 - OPAN recebe prmio em MT
Prmio um reconhecimento do estado de Mato Grosso instituies que cumprem ou cumpriram relevantes servios em prol dos Direitos Humanos.
03/12/18 - II Congresso de Lnguas Indgenas
33 povos dos 43 existentes em Mato Grosso discutem polticas para o ensino de seus idiomas nativos
12/11/18 - V Festival Juruena Vivo
Uma proposta de intercmbio produtivo e cultural no noroeste de Mato Grosso
09/11/18 - A maior pesca Paumari
Com o manejo consolidado, povo Paumari do rio Tapau pesca 30 toneladas de pirarucu.
29/10/18 - Um encontro entre culturas
Evento indgena promoveu o compartilhamento de cultura entre etnias do Mato Grosso. Integrao entre povos fortalece sua luta.
26/10/18 - Licena para agredir
O ttulo inapropriado de uma reportagem foi o estopim para reaes ofensivas na internet contra indgenas do norte de Mato Grosso.
22/10/18 - Povo Paresi valida seu plano de gesto
PGTA apresenta pactuaes das nove terras dos Haliti Paresi.
Todos os direitos reservados para a Operação Amazônia Nativa - OPAN
Website Security Test